Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chocoholics

Para os amantes de chocolate.... sem dietas.

Chocoholics

Para os amantes de chocolate.... sem dietas.

Qui | 15.04.21

O bolo de chocolate, brigadeiro e Maltesers d'A Padaria Portuguesa

CHOC

pada.jpg

Primeiro foram os bolos de After Eight, depois foram Éclairs. Desta vez, A Padaria Portuguesa pega em Maltesers e cria um bolo qu vai estar à venda apartir de hoje, mas apenas até domingo, 18 de abril. Uma delicia para os fãs de brigadeiro e Maltesers.

Está disponível nas lojas da marca da Grande Lisboa, mas também através das plataforma de delivery, como é o caso da Uber Eats. A base é um bolo de chocolate e recheio de brigadeiro ao qual se junta ainda uma mousse de leite e Maltesers no topo. Nas lojas a unidade custa 13,99€. Para entregas em casa, o preço é de 17,99€.

Ter | 13.04.21

Biscoitos com recheio de bolacha Oreo

CHOC

Ferrero Rocher.jpg

Imagine que pode escolher biscoitos em que o recheio é uma bolacha Oreo, envolvida por outro tipo de chocolate. Qual seria o seu chocolate favorito para envolver a Oreo: Ferrero Rocher, Maltesers, Nutella ou Dairy Milk? Ou preferia outro tipo de chocolate?? 

(imagem: Chocoland)

Dom | 11.04.21

Como fazer gelados caseiros de Oreo

CHOC

oreo.jpg

A conta  de Instagram Sweettbay é nossa conhecida e uma referência em receitas de chocolate. Contém receitas fáceis e ensina bons truques e dicas chocolateiras. Apesar do sol ainda se esconder atrás das nuvens de vez em quando, hoje trazemos uma receita - se pode chamar receita - super fácil de fazer, gelados de pau (picolé) de Oreo. Apenas necessita de dois ingredientes: cada gelado é feito com 1 pacote de 4 unidades de bolachas Oreo e leite branco. Nada mais simples.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 

De comer e chorar por mais...

Sex | 09.04.21

Éclairs nas lojas d’A Padaria Portuguesa

CHOC

padaria portuguesa.jpg

Primeiro foram os bolos de After Eight, de noz, amêndoa e doce de ovos, ou com chocolates Milka a serem novidades temporárias. Agora a A Padaria Portuguesa virou-se para os éclairs, o famoso bolo da pastelaria francesa. Até este domingo, 11 de abril, são três os sabores: café, chocolate e baunilha vão estar disponíveis em todas as lojas na grande Lisboa. Cada um custa 1,95€. Já se optar por levar logo três unidades, esse pack fica a 5€. Além destes bolos temporários, outra novidade é que passam a ter as esplanadas abertas.

Vamos lá "esplanar" um bocadinho, enquanto apanhamos vitamina D. Bom fim de semana.

Ter | 06.04.21

Comeu muito chocolate na Páscoa? Veja como reduzir os efeitos negativos.

CHOC

kinder bueno.jpg(o bolo que fizemos para as miúdas nesta Páscoa)

 

A Páscoa, assim como o Natal, é uma época festiva de muita "gula". Durante os três dias da festividade, as pessoas comem de tudo o que a tradição manda, e principalmente, chocolate. Esta última é uma tradição: em forma de ovo, coelho, barra ou em outro qualquer formato, o importante é que esteja presente. No entanto, o excesso de chocolate pode ser extremamente prejudicial.

Ao comer chocolate, ingerimos uma grande quantidade de gordura, conservantes e açúcares. O consumo exagerado em um curto espaço de tempo aumenta o nível desses nutrientes e isso pode sobrecarregar o fígado, além de inflamar o tecido adiposo.

O efeito de cada tipo de chocolate

Os diferentes tipos de chocolate influenciam a forma como o corpo responde ao excesso. 

A começar pelo tradicional chocolate ao leite, que possui cacau, que dá energia, e leite, que deixa a pessoa mais lenta. Além disso, na sua composição há muita gordura e açúcar, o que pode aumentar o nível glicêmico e a acne em quem consome.

O chocolate branco, ao contrário dos outros tipos de chocolate, não tem cacau em si mesmo na sua receita, pois é feito a partir da manteiga do cacau, ou seja, a gordura da fruta. Então a pessoa ingere gordura hidrogenada, que aumenta consideravelmente o seu colesterol mau.

O chocolate amargo é o que mais se aproxima do "cacau puro", por ter pelo menos 60% da fruta na sua composição. Esse tipo de chocolate é rico polifenol, um importante oxidante. Mas tudo o que é em excesso faz mal.

Recuperação pós-Páscoa

Depois de um feriado de Páscoa, nada melhor do que começar a semana a limpar o organismo. Por isso, a forma mais simples é voltar a uma correta rotina de alimentação: estabelecer horários para cada refeição e consumir alimentos mais leves pode ajudar.

Alimentos que ajudam a desintoxicar o organismo depois do exagero de chocolate:

– Cuide do seu fígado. Depois de muita gordura, açúcar e leite, preste atenção ao seu fígado. Prefira alimentos leves, como frutas e verduras, e evite carnes vermelhas, que exigem esforço do órgão.

– Água. Assim como a ressaca, depois de uma overdose de chocolate é preciso tomar muitos líquidos. Prefira água e sumos.

– Evite os carboidratos. Não morre se estiver uns dias sem comer pão, bolachas ou massas. Nas refeições, coma saladas e, se não quiser reduzir muito os carboidratos, prefira batata doce.


Um chocolate por dia não sabem o bem que vos fazia. Mas tudo o que é em excesso, faz mal...

Seg | 05.04.21

Lidl lança coleção de chocolates sustentáveis

CHOC

Way-to-Go_2-2.jpg

No mês em que se celebra o Dia Mundial da Terra, o supermercado Lidl decidiu lançar uma nova gama de chocolates sutentáveis, a ‘Way To Go’.

Este  lançamento de chocolates surge através de uma parceria com a associação de agricultores Kuapa Kokoo do Gana e com a associação Fairtrade, garantindo que o cacau é produzido de maneira 100% sustentável e apoiando os pequenos agricultores do Gana.

Esta gama de chocolates do Lidl na sua marca própria Fin Carré tem quatro sabores diferentes, Noz Pecã e Coco, Caramelo Salgado – disponíveis de forma permanente nas lojas Lidl – e Chocolate de Leite e Chocolate Preto – disponíveis em momento específicos. Cada chocolate terá o preço unitário de 1.99€.

 

Saiba mais sobre os chocolates ‘Way To Go’, no site da marca.

Sex | 02.04.21

Feliz Páscoa

CHOC

páscoa Feliz.jpg

A Páscoa, é uma celebração Cristã que festeja a ressurreição de Jesus. Mas, o que justifica a ode ao chocolate nesta época festiva em formato de coelhos que oferecem ovos? Ora, vamos lá ver a história.

Ovos da Páscoa

Os ovos são, desde a antiguidade, um símbolo de “fertilidade”, e de “renascimento”. Durante o crescimento do Cristianismo na Europa, a igreja adotou o ovo como símbolo da Ressurreição. Assim, na perspectiva cristã, os ovos da Páscoa representam a Ressurreição de Jesus Cristo.

Os ovos de chocolate surgiram na Europa no início do século XIX na Alemanha e França, originando uma nova forma de confeitaria artística. Atualmente, ovos de chocolate são vendidos em todo o mundo como decorações de primavera e para festejar a Páscoa.

Coelho da Páscoa

A origem do coelho da Páscoa é comum com a dos ovos da Páscoa, já que os coelhos são procriadores e consequentemente símbolos de “fertilidade” e “novas vidas”.

A origem do coelho da Páscoa remonta ao século XIII, na Alemanha pré-cristã, quando as pessoas celebravam a primavera (quinócio vernal), a estação da “renovação”, que tinha o coelho como símbolo devido às suas taxas de reprodução. Como, por norma, a celebração da Páscoa coincide com o princípio da primavera, no século XV quando o a igreja católica romana se tornou na religião dominante na Alemanha, esta misturou-se com os ritos e crenças enraizadas.

coelho da Páscoa é conhecido como um importante símbolo da Páscoa, e estabeleceu-se como símbolo pascal a partir do século XIX. Atualmente, é conhecido por trazer os ovos de chocolate para as crianças.

Talvez a razão pela qual os ovos, assim como os coelhos foram convertidos em símbolos feitos de chocolate, virá do facto de depois dos 40 dias de jejum por causa da quaresma, ser necessário ingerir algumas calorias extra!

 

Não celebramos a Páscoa com coelhos ou ovos de chocolate, mas com tudo o que gostamos... sai uma pizza de doces.

A receita da pizza feita pela Fitwaffle. Deliciosa...

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por Fitwaffle Kitchen (@fitwafflekitchen)